Arquivo -fevereiro 2013

1
Leitora Convidada – Daiane Jardim
2
Coisas Frágeis
3
O Carteiro entregou… Novo Conceito
4
Nova Parceria – Autor Landulfo Almeida
5
O Carteiro Entregou… #22
6
A Linhagem
7
Um Lugar Para Ficar
8
À Primeira Vista
9
Leitor Convidado: Especial Valentine’s Day
10
E as estrelas, quantas são?

Leitora Convidada – Daiane Jardim

Olá Galerinha!!! O Rascunhando de hoje é muito especial – não que os demais também não sejam, calma!!! -, pois a convidada é uma pessoa que eu admiro demais e que se tornou uma grande amiga ao longo desses um ano e meio de blogosfera. Tanto, mas tanto, que nos consideramos gêmeas de coração! hehehe Mas, então, quem é essa pessoinha? É a Daiane, do blog No Universo da Literatura!!!! Além de blogueira, ela também tem se mostrado uma excelente escritora. E, depois de conversarmos, ela aceitou meu convite para participar dessa coluna mais que querida pra mim… E, não bastasse, ela o fará de maneira especial! Uma linda, não?! *-* Mas, Nica, como assim? Então, a partir de agora, vocês acompanharão uma série de contos da nossa querida Dai… alguns serão separados por parte – por conta da extensão -, outros serão postados inteiros… enfim, se preparem para contos super fofos e emocionantes! Todos prontos??? Há um turbilhão de emoções nesse momento dentro de mim, sinto o peso das consequências, das escolhas erradas e certas que fiz pesarem em meus ombros. As lágrimas descem geladas, não há como segurá-las, são palavras que não conseguem ser ditas, somente pensadas e sentidas. Sinto o vento no rosto, sei que vou recomeçar, mas nesse momento preciso sentir, repensar e extravasar esse sentimento que toma conta de mim. Continuo andando rumo ao único lugar que me sinto segura. Com passos apressados e cabelos soltos sinto o ar gélido ao meu redor daquela tarde de inverno. Embaixo dos braços levo meu livro de música, e mentalmente[…]

Leia mais

Coisas Frágeis

Um senhor se aproxima e pergunta “Moço, que número tá naquele ônibus?” Respondo rapidamente, “509.” O senhor, meio contrariado, agradece e segue seu rumo. — Seus olhares eram uma tempestade em suas mentes, e no papel amassado em sua mão estava a resposta “Tenho um plano para nós”. O papel escorreu por seus dedos, ao mesmo tempo que ela partia para bem longe. — Os trechos acima não são do livro, acabei de tirar da minha mente. O primeiro, um típico caso de quem não sabe ler e vive precisando da ajuda dos outros. O que para nós, o que para você é algo simples e banal, como ler essas linhas, para muita gente ainda é algo distante. O segundo exemplo é o típico momento onde deixamos passar por um segundo uma decisão que poderia mudar muitas coisas, a decisão que realmente queremos tomar, mas que por um segundo parece idiota. O pedaço de papel, três números e um infinito de fatos. Enquanto escrevo isto, me ocorre que a peculiaridade da maioria das coisas que consideramos frágeis é o modo como elas são, na verdade, fortes.  Havia truques que fazíamos com ovos, quando crianças, para demonstrar que eles são, apesar de não nos darmos conta disso, pequenos salões de mármore capazes de suportar grandes pressões, e muitos dizem que o bater de asas de uma borboleta no lugar certo pode criar um furacão do outro lado de um oceano. Corações podem ser partidos, mas o coração é o mais forte dos músculos, capaz de pulsar durante toda a vida, setenta vezes por minuto, e não falhar quase[…]

Leia mais

O Carteiro entregou… Novo Conceito

Olá Galerinha! Primeiramente, devo pedir mil perdões por não ter conseguido postar a Caixinha no domingo… e nem ontem. O vídeo deu algum problema no Movie Maker e eu tive que refazer, mas achei que conseguiria postar ele ontem mesmo… mas não deu. Ontem foi aniversário de 83 anos da minha Tia, irmã da minha mãe, e eu tinha que ir né? Então, espero que vocês relevem isso e que curtam os vídeos mesmo assim! Essa caixinha está bem recheada… Tive que dividir e separar os livros da Novo Conceito em um a parte, ou vocês iriam me matar (risos) por conta do tamanho dos mesmos! hehehe * Novo Conceito – Janeiro  

Leia mais

Nova Parceria – Autor Landulfo Almeida

Olá Galerinha!!! Tudo bem? É com muito prazer que hoje anuncio mais uma nova parceria para o blog! Dessa vez, com o autor nacional Landulfo Almeida. Seu primeiro livro, As Duas Faces do Destino, foi lançado no final do ano passado, pela Editora Novo Século, selo Novos Talentos. Vamos saber mais um pouquinho sobre o Landulfo?   O Autor Nascido em Brasília em 1968, LANDULFO ALMEIDA passou sua adolescência e boa parte da vida adulta em Salvador. Graduado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal da Bahia e pós-graduado em Marketing de Serviços, trabalhou como engenheiro de software, foi empresário, professor e executivo. É entusiasta do mercado financeiro e opera na Bolsa de Valores. Apaixonado por ciência, ficção científica e literatura fantástica, procura usar sua experiência eclética e seus diversos interesses para enriquecer suas histórias, criando ambientes e personagens plausíveis e permitindo à imaginação fluir livremente.   O Livro Bruno havia desistido de encontrar um sentido para sua vida quando é recrutado por uma extraordinária mulher, dona de habilidades incomuns, para lutar contra um poderoso inimigo. Kerligan Amnael possui o conhecimento, o dinheiro, a inteligência e a vontade para causar enormes prejuízos à humanidade. Apesar das dúvidas, Bruno resolve seguir seu coração e seus instintos e abraçar o destino ofertado por Adrianna. Exilado de sua antiga vida ele é preparado para uma batalha a ser travada no mundo dos negócios bilionários, das descobertas científicas e médicas de última geração e da espionagem industrial. Incapaz de lidar sozinho com as incertezas da história de Adrianna, que alega[…]

Leia mais

O Carteiro Entregou… #22

Olá Galerinha! Primeiramente, devo pedir mil perdões por não ter conseguido postar a Caixinha no domingo… e nem ontem. O vídeo deu algum problema no Movie Maker e eu tive que refazer, mas achei que conseguiria postar ele ontem mesmo… mas não deu. Ontem foi aniversário de 83 anos da minha Tia, irmã da minha mãe, e eu tinha que ir né? Então, espero que vocês relevem isso e que curtam os vídeos mesmo assim! Essa caixinha está bem recheada… Tive que dividir e separar os livros da Novo Conceito em um a parte, ou vocês iriam me matar (risos) por conta do tamanho dos mesmos! hehehe Obrigada desde já! Uma super semana pra vocês!!!! * Parcerias

Leia mais

A Linhagem

Sabe aquele livro que te conquista e faz devorar as páginas sem perceber? Pois bem, esse é o caso de A Linhagem, primeiro livro da autora Camila Dornas, e publicado pelo Selo Novos Talentos, da Editora Novo Século. Quando a Camila entrou em contato comigo, perguntando se eu gostaria de me tornar sua parceira e resenhar seu livro, eu logo fiquei animada, pois a sinopse me chamou muito a atenção. Não só pelo fato de se tratar de um romance histórico E sobrenatural, mas por se passar em uma das cidades mais lindas e que mooooorro de vontade de conhecer: Londres. No meio desse cenário maravilhoso e altamente convidativo ao amor, A Linhagem nos traz uma história de Bruxas e Bruxos bem original e fundamentada. Percebe-se, através do desenrolar da trama, que a autora pesquisou não só sobre a cidade, mas também sobre a origem das Bruxas, seus poderes e magia, além de citar as perseguições, retaliações, que mulheres suspeitas – com algum tipo de dom – sofriam. A personagem principal se chama Evangeline Bennett, é a filha mais velha de Julian Bennett – o marquês de Winchelsea – e de Beatriz Rothe – sua já falecida mãe, tem uma irmã arrogante e irritante chamada Margaret e conta não só com os cuidados, mas com a amizade da governanta Morgana. Sua mãe faleceu quando ela ainda era criança, de uma suspeita tuberculose, e desde então sua vida é um inferno, não fosse por Morgana e seus amigos, o mulherengo e conquistador Albert, e a moderninha e artista Genevieve. Eve nunca se encaixou em sua família. Nem nos padrões impostos pela sociedade. Ela era diferente. Muito parecida[…]

Leia mais

Um Lugar Para Ficar

Em Um lugar para ficar, Deb Caletti nos apresenta a personagem Clara, uma adolescente meiga, cheia de sonhos e filha de um famoso escritor. Certo dia no colégio, Clara conhece Christian, logo um se vê atraído pelo outro. Em pouco tempo embarcam então em um romance. Christian aparentava ser um menino fofo, charmoso, mas não demonstrava muito de sua personalidade, sendo então uma incógnita ao leitor. Com o tempo essa personagem vai dando pistas de seu lado sombrio e, aos poucos, começa a mostrar seus ciúmes por Clara, tudo começando calmamente, até perder o controle. O que era de se esperar… ciúmes e amor não combinam! Portanto, o que de início era afeto, amor, compreensão, torna-se uma obsessão. Christian começa a demonstrar um ciúme doentio, sufocando a garota e causando medo, pois visivelmente ele está disposto a tudo para mantê-la ao seu lado. Algumas pessoas tentaram alertá-la sobre o comportamento do seu namorado, mas ela relevou, e só depois de um tempo percebeu como realmente era a pessoa que estava ao seu lado. Quantos de nós já não passamos por isso ou vimos acontecer com alguém próximo, não? Com medo, Clara foge com seu pai para uma cidade pequena, onde ninguém sabia como encontrá-los. Mesmo? Tudo o que ela mais queria era reconstruir sua vida, mas será que Clara vai conseguir se afastar desse monstro e se curar de todos os seus medos? Um lugar para ficar é narrado em primeira pessoa por Clara, uma jovem muito bem humorada, que gosta de fazer brincadeiras com os amigos, e acho que esse[…]

Leia mais

À Primeira Vista

Sabe o que me deixa mais fula com o Tio Nick? É que ele ainda consegue nos encantar com os mesmos ingredientes de sempre… Foi o que aconteceu com À Primeira Vista. A sinopse é interessante, fato. Fala de amor, daquele verdadeiro. Fala de confiança, daquela que se conquista com o tempo e muito diálogo. Fala de todas as incertezas que um casal passa no começo de qualquer relacionamento. Das dúvidas. Das frustrações ao descobrir que nem você ou a pessoa amada são perfeitos… na verdade, que ninguém é perfeito! Confesso que, no começo, a narrativa estava me cansando. Estava pensando que seria mais um daqueles romances água com açúcar e só. Sem nenhuma novidade. Sem nada que me prendesse e me fizesse terminar aquela história. Mas, graças a Deus, Nicholas Sparks consegue sempre nos surpreender. E não foi diferente dessa vez. Seguindo o seu padrão casal apaixonado – crise – tragédia – final feliz, em À Primeira Vista ele consegue nos fazer sentir todas as emoções de um começo e de um recomeço. Ele consegue nos fazer refletir sobre confiança e sobre a importância desse adjetivo em qualquer relação, seja de amor ou de amizade. Quando se deixa de confiar em alguém, sabemos que recuperar a credibilidade com o outro é bem mais complicado do que conquistar. Ambas requerem trabalho. Há esforço envolvido. Mas, convenhamos, é muito mais difícil reconquistar, mostrar que mudou e que se arrependeu, não? Além dessa questão, outro ponto que me chamou a atenção e que sempre está presente nos livros de Sparks é o enaltecimento[…]

Leia mais

Leitor Convidado: Especial Valentine’s Day

Especialmente em homenagem ao Dia de São Valentim – data (14/02) em que várias culturas comemoram o dia dos namorados e/ou amigos do peito, aqueles que devemos guardar do lado esquerdo do peito-, trago um conto do nosso querido amigo e leitor Ednelson Junior! Espero que curtam essa singela homenagem ao amor… Saturado de vazio Edson estava se arrumando para uma festa na casa de um amigo, não que gostasse muito de festas, mas ultimamente seus pensamentos se ocupavam grande parte do tempo com reflexões sobre um vazio que crescia a cada dia em seu coração e sentia que talvez um pouco de música alta e conversas triviais podiam abafar a sua mente inquieta. Sua vida nunca foi muito emocionante. Ele era o que podemos chamar de rapaz exemplar: não fumava, não bebia, não usava drogas e sempre estudava. Contudo sua vida sentimental era recheada de desastres amorosos. Ele nunca obteve qualquer sincero retorno afetivo, apesar de já ter dormido com algumas garotas. Todas na manhã seguinte ao sexo iam embora com um sorriso forçado no rosto e prometiam ligar depois. Edson sempre pensou que somente as garotas sofressem tanto quando seus corações eram usados e recebiam juras de amor no ímpeto da volúpia, mas aprendeu da maneira mais direta que os homens também podem chorar, mesmo sem admitirem, quando no meio da madrugada acordam se revirando na cama e ao buscar a parceira com a qual foram se deitar tocarem somente o vazio. Para ir à festa optou por usar um jeans verde desbotado, sapatos all stars e[…]

Leia mais

E as estrelas, quantas são?

Se for pelo beijo que descobrimos talvez possa lhe dizer sussurrar na sua alma que quero ficar. E se você não quiser nada disso não vou chorar nem lamentar seria injusto culpar o mundo pela oportunidade de conhecer o paraíso naquele seu olhar que em um instante redescobri minha constante. Mas amor é amor não se perde sempre será seu e mesmo que não use estará sempre contigo e você comigo. E minhas palavras estão circulando no silêncio ditas para Lua entregue ao Mar navegando no lago. E apenas posso dizer que tudo seria menos perfeito se não houvesse você. – Silêncio  É dificil começar algo. Imaginar a fala perfeita, o ato preciso, o ato necessário, criar a magia necessária para tornar as coisas especiais. Em um mundo de futilidades, desprezos e banalizações, como tornar cada interação, cada palavra e sentimento, cada versão nossa em algo incrível e especial? Como ser e se fazer perceber? Como contar as estrelas? Como ter certeza do resultado? Seria o impossível uma questão de opinião, ou ele realmente existe? Há várias regras e conceitos para construir e para destruir, mas se demorar muito é apenas um vazio apossado pela frieza do mundo. – O que você sente A primeira vez que li esse livro foi através de um empréstimo, de alguém que passou por minha vida, alguém muito especial. E o mais especial foi ler e viver a história, claro que não da mesma forma, mas de uma forma que trouxe essa sensação. A história é simples, contada de um lado pela perspectiva de[…]

Leia mais

Copyright © 2011-2015. Desenvolvido por String - Tecnologia e Web.