Tentação Sem Limites

  • Twitter
  • Facebook
  • Google+

No final de Paixão Sem Limites, Abbi Glines nos deixa com o coração na mão e os olhos cheios de lágrimas. Eu me apaixonei pelas personagens, inclusive as secundárias, e não estava mais aguentando de ansiedade para saber como a autora ia sair do dilema que deixou como gancho no último capítulo do livro.

Em Tentação Sem Limites, Blaire está muito magoada e sem saber que rumo tomar em sua vida. Então, de volta à sua cidade, um acontecimento inesperado acaba dando ainda mais voltas na cabeça da moça e ela se vê em uma situação ainda mais complicada do que antes. Confesso que eu meio que já esperava essa reviravolta. A autora meio que nos dá algumas dicas no capítulos finais do primeiro volume.

tentação 01

Sem saída, a menina se vê “forçada” a retornar para a Flórida, para perto de Rush, que se encontra devastado, arrependido e totalmente disposto a mostrar que realmente a ama, que ela vem em primeiro lugar em sua vida. Blaire ainda está muito machucada e com medo de sofrer novamente, de se decepcionar, ainda mais em um momento tão delicado de suas vidas. Rush acaba tendo de aceitar, a princípio, apenas a amizade de Blaire.

Contudo, Blaire não contava que fosse se sentir ainda mais atraída por Rush, a ponto de reagir ao seu simples toque ou sonhar que estava fazendo amor com ele. A menina pena, viu galerinha! rsrs Acho que, mesmo depois do ocorrido, eu não ia conseguir resistir ao charme desse bad boy tão apaixonado… Sério, eu fiquei ainda mais apaixonada por ele nesse livro. Dá peninha dele tentando provar seu amor, brigando contra tudo e todos por ela, tentando deixar de lado certas atitudes já há tempos arraigadas em seu ser… Um fofo! <3 

tentação 02

Mantendo o mesmo ritmo do primeiro livro, Abbi Glines nos surpreende com algumas reviravoltas e nos delicia com os momentos mais “calientes” entre Blaire e Rush, tudo ainda mais amplificado por conta da situação atual do casal. A maior surpresa tem relação com a história de sua mãe e seu pai. A verdadeira história. Deu até para sentir pena – só um pouquinho, tá – da meia-irmã do Rush, a chatonilda Nanette.

A narrativa ainda é dividida entre os pontos de vista dos protagonistas, o que nos ajuda a compreendê-los melhor, a entrar na cabeça de cada um deles, a sentir o que eles estão passando, pensando… Confesso que esse livro foi ainda melhor do que o primeiro. Eu me envolvi ainda mais com as personagens, principalmente com os dilemas do Rush.

Abbi Glines consegue nos fazer refletir sobre nossas escolhas, sobre nossas atitudes. Se eu tivesse que resumir esse livro em apenas uma palavra, seria perdão. Para amar, é preciso perdoar a si e aos outros. Lembrar que somos humanos e imperfeitos. Claro, isso não é desculpa para sair fazendo burradas, mas podemos ser mais compreensivos, podemos aprender a ouvir antes de agredir ou tomar medidas drásticas.

Muito mais do que um romance sensual, Tentação Sem Limites é surpreendente e instigante. Se você curte o gênero New Adult com pegadas mais “hot”, essa é a trilogia pra você!

tentação 03

*Atenção*

Essa semana será dedicada somente aos romances mais calientes. Fiquem ligados, no último dia, quando a resenha de Fogo – terceiro livro da trilogia Breathless -, for ao ar, vocês terão uma surpresinha! #sintocheirodepromoçãonoar

Leave a Reply

Your email address will not be published.
Required fields are marked *